SAAE - Serviço Autônomo de Água e Esgoto

SAAE restabelece fornecimento de água na região norte da cidade

Publicado por: FNP | 23-01-2015



SAAE restabelece fornecimento de água na região norte da cidade
SAAE restabelece fornecimento de água na região norte da cidade

O SAAE (Serviço Autônomo de Água e Esgoto) de Bandeirantes enviou comunicado na manhã de ontem (22) informando o restabelecimento do fornecimento de água na região da zona norte da cidade que abrange Vila Rubi, Vila Itapeva, Vila IBC, Jardim San Rafael, Conjunto Habitar Brasil, Vila Rural, Jardim Morar Melhor, Jardim Paraíso, Jardim Ana Rosa, Jardim São Francisco, Vila Paraiso, Vila Macedo e adjacências.

A bomba de fornecimento queimou e os moradores das localidades passaram o final de semana passada e início desta, sem abastecimento. Foi no final da noite desta quarta-feira (21), por volta das 23h30, que ocorreu a conclusão da troca do equipamento, que voltou a funcionar normalmente. O diretor do SAAE, Wilson Aparecido de Souza ‘Mineiro’, disse que o sistema retornou a operar e que o abastecimento já estava normalizado. “Assim que ocorreu o problema, buscamos contatar imediatamente a empresa especializada de guincho para prestar os serviços”, menciona.

“Toda a equipe do SAAE trabalhou incansavelmente para restabelecer o fornecimento aos moradores. Sabemos que o atendimento ao serviço de abastecimento ficou comprometido e causou constrangimento à população, ainda mais devido às altas temperaturas do clima. A situação agora está normalizada”

Para a retirada do equipamento queimado foi preciso aguardar a disponibilidade e a vinda de um guindaste de 70 toneladas. O guincho e os funcionários do SAAE e da empresa removeram as barras acopladas e em seguida realizaram a troca das bombas. “Toda a equipe do SAAE trabalhou incansavelmente para restabelecer o fornecimento aos moradores. Sabemos que o atendimento ao serviço de abastecimento ficou comprometido e causou constrangimento à população, ainda mais devido às altas temperaturas do clima. A situação agora está normalizada”, ressaltou e explicou que a bomba queima quando ocorre alguma descarga elétrica ou quando expira o prazo de vida útil do equipamento.

Durante o período que as comunidades ficaram sem o fornecimento de água, caminhões pipas da Prefeitura e de empresas privadas prestaram serviços de atendimento.


Erro: O conteúdo que você acessou não existe mais ou você não pode acessar diretamente este conteúdo!
Voltar para página inicial